“Um homem precisa viajar. Por sua conta, não por meio de histórias, imagens, livros ou TV. Precisa viajar por si, com seus olhos e pés, para entender o que é seu. Para um dia plantar as suas próprias árvores e dar-lhes valor. Conhecer o frio para desfrutar o calor. E o oposto. Sentir a distância e o desabrigo para estar bem sob o próprio teto. Um homem precisa viajar para lugares que não conhece para quebrar essa arrogância que nos faz ver o mundo como o imaginamos, e não simplesmente como é ou pode ser. Que nos faz professores e doutores do que não vimos, quando deveríamos ser alunos, e simplesmente ir ver”
Amyr Klink

domingo, 14 de julho de 2013

Peterhof em São Petersburgo, Rússia - Rússia e Países Bálticos 2013

Peterhof ou Petrodvorets (Palácio de Pedro) fica  a 30 km do  centro de  São Petersburgo, com vistas para o Golfo da Finlândia no  Mar Báltico. Sua localização tem tudo a ver com o fato que inspirou sua construção, Pedro, o Grande tinha acabado de derrotar os suecos em Poltava e queria um palácio condizente com "o maior dos monarcas". Sua construção começou em 1714, foi inaugurado em 1723 e posteriormente sofreu alterações no mandato de Isabel que adorava o barroco repleto de dourados.


Começamos nossa visita pelo Grande Palácio mas é proibido fotos do seu interior mas pense num barroco rebuscado com excesso de dourados...é assim....com exceção de poucas salas. Para quem quiser ver fotos de alguns desses ambientes acesse http://www.ticketsofrussia.ru/peterhof/ que além das fotos tem informações sobre visita, horários e preços. Abaixo um exemplo da decoração que impera no palácio.


O grande diferencial são os jardins e suas fontes. Na parte central fica a fonte mais importante, a Grande Cascata, com 37 esculturas em bronze dourado, 64 fontes e 142 jatos de água que saem dos terraços do Grande Palácio até o Canal da Marinha e deste para o mar.


Mais do que qualquer local deste palácio a Grande Cascata simboliza a vitória da Rússia sobre a Suécia tendo ao final uma magnífica estátua de Sansão (representando a Rússia) a abrir a boca de um leão (representando a Suécia).



Todo o conjunto é impressionante.....

Grande Cascata e Canal da Marinha chegando ao Báltico

Grande Palácio e Grande Cascata

Sansão e o leão

mais fontes ao lado da Grande Cascata
Canal da Marinha, Grande Cascata e Grande Palácio

O jardim é muito grande, o complexo ocupa uma área de 607 hectares com outros edificações e mais fontes.



Fonte de Adão
Palácio de Montplaisir às margens do Golfo da Finlândia
estátua de Pedro, o Grande em tamanho real

fontes romanas
fonte de Netuno
A água vem de nascentes subterrâneas a uns 22 km de distância e as fontes funcionam sem bombas, somente pela ação da altitude. Durante a II Guerra Mundial Peterhof foi ocupado pelo exército alemão que ao sairem pilharam e destruiram o Palácio e explodiram a Grande Cascata deixando o local  semi destruído. Sua restauração minuciosa aconteceu após o final da guerra.






Nenhum comentário:

Postar um comentário